Evento leva música e descontração para pacientes em tratamento na Santa Casa de Ribeirão Preto

Para ressaltar a importância da prevenção ao câncer de mama, a Santa Casa de Ribeirão Preto realizou a semana Outubro Rosa. O setor de oncologia promoveu uma manhã especial para os pacientes e acompanhantes com muita música, decoração rosa, sessão de maquiagem, relaxamento e café da manhã, na última sexta-feira, 26.

O coral Prama alegrou e emocionou a todos com diversas canções. Uma sessão de maquiagem e beleza também foi oferecida no intuito de ressaltar a autoestima das pacientes.

A terapeuta ocupacional do hospital, Taís Forghieri, realizou uma atividade de relaxamento e técnicas de respiração com os presentes.

A ação teve a participação do serviço de oncologia, da enfermagem, de voluntários da Abraccia (Associação Brasileira de Combate ao Câncer Infantil e Adulto) e do Centro Integrado de Humanização da Santa Casa. Para os funcionários, o hospital promoveu palestras sobre a prevenção ao câncer de mama.

  

Oncologia participa de treinamento em Pesquisa Clínica

A equipe multidisciplinar do setor de oncologia da Santa Casa de Ribeirão Preto, liderada pela médica preceptora, Dra. Thaís Carvalho, recebeu treinamento de desenvolvimento em Pesquisa Clínica, nos dias 17, 18 e 19. As palestras foram ministradas pelo Time de Pesquisa Clínica.
O superintende do hospital, Dr. Marcelo Di Bonifacio, participou do evento e elogiou a iniciativa da equipe de oncologia. 

Dia das Crianças na Santa Casa

A Santa Casa de Ribeirão Preto promoveu várias ações em comemoração ao Dia das Crianças.
O serviço de psicologia realizou orientações aos pais e acompanhantes quanto ao uso excessivo de celulares.
Já o serviço de Terapia Ocupacional promoveu oficina lúdica para as crianças hospitalizadas.
Presentes e brinquedos arrecadados também foram entregues na última quinta-feira.
Vários serviços participaram das ações, entre eles: médicos, enfermagem, serviço social e enfermeira de desenvolvimento e treinamento.


 

 

 

 

 

Santa Casa recebe selo de hospital Amigo do Transplante

A Santa Casa de Ribeirão Preto recebeu o selo de hospital Amigo do Transplante. A homenagem foi entregue durante o I Encontro Estadual das Comissões Intra Hospitalares de Transplantes (CIHT) do Estado de São Paulo. O evento foi realizado nos dias 24 e 25 de setembro, em São Paulo.

A médica e coordenadora da CIHT da Santa Casa, Dra. Fátima Ap. Magro Ostini e a enfermeira da CIHT, Carla Keiko dos Santos Eto, participaram do encontro.
A Santa Casa possui um Centro de Transplante Renal que já realizou centenas de transplantes desde sua criação.

Jornada de Humanização 2018 – Setembro Amarelo – Valorização da Vida

A Jornada de Humanização 2018 da Santa Casa de Ribeirão Preto – Setembro Amarelo – Valorização da Vida foi um sucesso, mais de 500 colaboradores participaram dos quatros dias do evento promovido pelo Centro Integrado de Humanização (CIH).

O psicólogo e coordenador do Programa de Saúde Metal do Município de Ribeirão Preto, Dr. Marcus Vinicius Santos, participou da Jornada e ressaltou a importância de se falar sobre o Suicídio, superar estigmas e preconceitos.

Segundo ele, o evento promovido na Santa Casa foi muito produtivo. “Me surpreendi em ver a sala cheia para falar sobre o tema, são profissionais comprometidos, tenho certeza que sairão daqui alimentados com a troca de informações promovidas durante essa semana. Fique feliz com a participação e 

interesse dos colaboradores em discutir um tema tão importante, destaca.”

Sobre a rede municipal, Santos destacou ser fundamental o apoio e o trabalho realizado em conjunto entre a rede e as instituições de saúde do município.

A psicóloga gerente do serviço de psicologia da Santa Casa e coordenadora do CIH, Maria Augusta Rosa, destacou a importância do tema abordado durante a Jornada – Valorização da Vida. Enquanto instituição e profissionais de saúde precisamos promover aos pacientes, familiares e colaboradores, o olhar ampliado sobre a valorização da vida. A participação e o envolvimento dos colaboradores durante a semana foi fundamental para o sucesso da Jornada”, afirma.

 A médica pediatra e coordenadora do serviço de pediatria do hospital, Dra. Lídia Marin Torre, fez a abertura da Jornada de Humanização e falou da importância de se discutir o suicídio infantil. Em seguida a médica neurologista infantil e Preceptora de Residência Médica em pediatria da Santa Casa de Ribeirão Preto, Dra. Larissa Solange Moreira Paterlini, falaram sobre o Risco de Suicídio Infantil e a Prevenção na Infância e Adolescência.

A terapeuta ocupacional da Santa Casa, Thais Balastreire Forghieri, promoveu uma ação interativa denominada Dança Circular, que tem como objetivo integrar o grupo, trabalhando o equilíbrio entre o individual e o coletivo.

A médica Psiquiatra, especialista em Emergências Psiquiátricas e Psicoterapeuta, Dra. Cybele Garcia Leal, falou sobre a Avaliação do Risco de Suicídio, ela apresentou estudos, e estatísticas relacionados aos casos de suicídio e tentativas. Falou também dos fatores de riscos, da prevenção e da importância do apoio da sociedade, das instituições e da família.

O grupo de teatro Expresso Riso levou alegria e descontração à Jornada. De forma lúdica falaram de superação da valorização das relações afetivas.

A enfermeira de Treinamento e Desenvolvimento da Santa Casa, Dra. Juliana Maria de Paula Avelar, falou sobre a Valorização da Vida aos colaboradores do período noturno.

A articuladora de humanização da Diretoria Regional de Saúde (DRSXII), junto com a diretora técnica I do Núcleo de Qualidade e Humanização das Ações de Saúde do CD da DRSXIII, Élida Rodrigues Luchesi, prestigiaram a Jornada.

Ao todo foram quatro dias de eventos, cinco palestras e cinco atividades interativas que contaram com a participação de médicos, gestores e colaboradores.